Que surpresa

Edição: 318 Publicado por: Gustavo Abruzzini de Barros em 05/12/2012 as 10:09

 
Leitura sugerida

Recentemente participamos de visita as atuais instalações, em Valença, da fábrica de alimentos Ema, mais conhecida por “Chinezinho”. A visão foi das melhores. A empresa emprega, atualmente, em torno de 170 trabalhadores, utiliza maquinário de última geração e tem sólidos planos de ampliação, além de se manter confiante no projeto de estímulo aos produtores rurais do município. É fato.

Que tristeza

O caminhão da Locanty que faz a coleta do lixo nos finais de tarde e início da noite está nos fazendo lembrar de maus tempos. Desgastada, a caçamba onde os sacos de lixo são lançados e sofrem a primeira espremida pelo mecanismo automático do caminhão, está deixando escorrer para a rua o chorume. O prejuízo se nota no cheiro das vias que tem sido bastante desanimador, justo numa hora tão frugal. Uma catinga só.

Que limitação

Vem chegando o Natal e a decoração é aquela mesma... dos anos anteriores. Fazer o quê? Ainda assim, voto de louvor aos abnegados que não deixaram a peteca cair. Parabéns Daniele Dantas, pois fácil é criticar, difícil é fazer sem recursos e apoio, muitas vezes do próprio governo.

Esse conteúdo é exclusivo para assinantes. Assine já e tenha acesso ao conteúdo na íntegra!

1 comentários

avatar
Escreva seu comentário...
Seu nome...
Seu email...
avatar

leandro em 09/12/2012 às 18:13 disse:

adorei está nota parabenizando a secretária de cultura pois ela é uma pessoal muito competente e com muitas ideias só que muita das vezes o governo não incentiva ou ate mesmo veta mais ela não desanima e continua lutando da maneira que pode pela cultura e o turismo de nossa cidade
responder O comentário não representa a opinião do jornal! A responsabilidade é do autor da mensagem!
avatar
Escreva seu comentário...
Seu nome...
Seu email...