A volta dos que não foram e o novo que nasce velho

Edição: 457 Publicado por: Fabricio Itaborai em 20/08/2015 as 10:30

 
Leitura sugerida

A crise econômica, social e política no país é gravíssima. O modelo que sustentou os interesses da classe dominante brasileira nos últimos doze anos de governos do PT apodrece a olhos vistos. O velho está agonizando e o novo ainda não nasceu.

A velha e carcomida direita não tem nada a oferecer que não tenha sido tentado por Dilma em sua agonia: cortes, ataques, repressão e retrocesso. A corrupção do PT também não é nova. Segue o exemplo dos governos do PSDB no governo federal e nos estados. O “tremsalão” tucano de São Paulo está aí pra confirmar. Mesmo assim, tentam se credenciar como alternativa.

Bancos e empresas usam a crise para se reestruturar, arrochar salários, demitir e retirar direitos. E ainda recebem ajuda do governo para rebaixar salários através do mal chamado “Programa de Proteção ao Emprego”.

Esse conteúdo é exclusivo para assinantes. Assine já e tenha acesso ao conteúdo na íntegra!

0 comentários

avatar
Escreva seu comentário...
Seu nome...
Seu email...