Delação

Edição: 622 Publicado por: Gustavo Abruzzini em 07/11/2018 as 09:25

 
Leitura sugerida

O deputado André Corrêa está sofrendo, agora, com a sanha de um delator. Afinal, acabou sendo envolvido por um ex-operador (delator) de Sérgio Cabral, conforme noticiou a Globo News e o portal G1. André reagiu de imediato e garantiu que não conhece, não viu e não sabe do que se trata e desafiou o delator a provar o que falou. Afinal de contas, como sempre dissemos por aqui, falar é fácil.

 

A presidência

Independetente disso, André parece inabalado e focado nos esforços de, enfim, chegar na cadeira mais alta do parlamento fluminense. A seu favor, um possível pacto com os partidários da “famiglia” Bolsonaro, que não querem a reeleição do atual presidente da Alerj, André Ceciliano que é do PT.

 

Visita

Depois de cruzar bons quilômetros da Região Sudeste para alcançar Brasília a bordo de seu possante Fusca, o deputado federal eleito, Luiz Antônio, esteve em visita às modestas instalações de nossa redação, em companhia do filho vereador, Saulo Correa, que agora, no final deste ano termina o mandato de presidente da Câmara de Valença.

 

Um peso e uma medida

Analistas de rua dos Mineiros, insatisfeitos com a união Graça x Correa, garantem que pouco efeito eleitoral surtiu o pacto. Baseiam-se na análise fria dos números que pouco refletiram o ensaio de supremacia política, visto que, em Valença, os votos foram dentro de uma média esquálida, não refletiu o peso da composição.

 

Voz

Aliás, Valença ainda não dimensionou o que representa ter vozes que nos representem nas assembleias estadual e federal, coisa que Volta Redonda, Resende, dentre outras cidades maiores, não vão ter. Em nossa história, foi na década de cinquenta quando Osvaldo Fonseca chegou na Câmara Federal, que Valença e suas instituições receberam mais recursos, sobretudo para as áreas de Educação e Saúde. E nessa hora, a constatação de que cerca de 25 mil votos foram para candidatos de fora, demonstra que estamos meio perdidos em campo de batalha.

 

Sede

Este colunista mudou de seção e votou nos dois turnos no antigo Hotel de Férias da EFCB, atual pré-escolar do Instituto. Achei o imóvel clamando por uma boa reforma. Achei até que se houvesse melhor equipamento educacional que atenda as crianças, poderia se transformar em uma boa sede municipal, potencializando as chances de ser mais bem mantido. E tornaria o atual Centro Administrativo, todo voltado para a Saúde.

 

Quem não se comunica...

Aliás, por falar em governo municipal, no sábado, a colunista do O Globo, Miriam Leitão, discorreu crítica construtiva em que cobrava do presidente eleito investimento em comunicação, em detrimento das redes sociais apenas. E vaticinou: “(...) boa comunicação faz parte de bem governar.” E concluiu: “Governar não é cavar trincheiras. A comunicação faz parte da arte de administrar bem”. Espero que nossos gestores, prefeito e presidente da Câmara, tenham lido estes óbvios conceitos, pois a comunicação deles, muito cá entre nós, é completamente – para não ferir suscetibilidades – extremamente passiva.

 

Especial

A edição especial apesar do desânimo geral dos que deveriam liderar a ação de apoio à iniciativa, vai sair. Estamos na coleta geral de dados atualizados de nossa querida Valença. Vai ser uma edição para guardar para futuras pesquisas das crianças e de quem planeja bons negócios.

 

Lamento

Apesar de estar determinado em enaltecer o que somos e o que temos, este colunista continua crítico com seguidas demonstrações de falta de educação cotidiana. Esta cada vez mais evidente transgressões que são no mínimo deselegantes. E assim sucedem-se pessoas que furam fila nas balanças de supermercado, marcam lugar na fila dos caixas, formam rodas de conversa que ocupam toda a calçada, ciclistas que não respeitam o sinal de trânsito e motoristas que cortam caminho em áreas de esquina dos postos de gasolina ou que dirigem ao celular. O sentimento de lamento é crescente. Mas como pouca gente dá exemplo...

 

Espaço Campo Alegre

Nesta quinta-feira (8), participaremos da inauguração do Espaço Campo Alegre, na histórica Fazenda Campo Alegre. Revitalização e destinação econômica contribuindo com a economia e o turismo de Valença.

 

Livro Catálogo

Na tarde de sábado, dia 17 de novembro, o acadêmico Walter Menezes lança a segunda edição atualizada de seu precioso “Catálogo de Livros de Autores Valencianos e Afins”. O evento cultural será no salão nobre da Academia Valenciana de Letras, na rua Dr. Ernesto Cunha 5 (esquina do lixódromo da Prefeitura que ali mantém cinco latões de lixo).

0 comentários

avatar
Escreva seu comentário...
Seu nome...
Seu email...