Tudopodelândia I

Edição: 644 Publicado por: Gustavo Abruzzini em 24/04/2019 as 08:37

 
Leitura sugerida

Leitores atentos avisam que há uma árvore na avenida Geraldo de Lima Bastos, em frente ao antigo lava-jato que, por ter um vão no seu caule, está sendo tratada como lixeira. Alô, serviços gerais, favor verificar se não há risco.

 

Tudopodelândia II

Em outro trecho, agora em frente à Rodoviária Princesa da Serra, outro leitor denuncia a absurda supressão do passeio para dar vaga de estacionamento, próximo a uma loja. O estarrecido leitor informa que o pedestre que caminha por este passeio, caso haja carro estacionado em tal espaço, precisa descer ao asfalto para voltar à calçada mais à frente, defronte à tal loja.

 

Judiação

Está rolando, nas redes sociais, um abaixo-assinado que pretende pedir a normatização das cavalgadas, devido aos maus-tratos com os animais. Os adeptos querem que o poder público seja mais exigente com os cavaleiros que participam, sobretudo, das procissões de São Jorge.

 

Tá confuso

Outro incômodo de que muitos têm reclamado diz respeito ao movimento de jovens no famoso bar que reúne os universitários de Valença, na rua Sargento Vitor Hugo. Os jovens invadem a rua sem cerimônia e sem medo de acidentes. Aliás, o acesso ao campus do bairro de Fátima é dificultado por automóveis que estacionam no trecho próximo à virada dos ônibus que trazem os alunos de fora. Alô trânsito!

 

Socorro

A situação de penúria porque passa nossa rodoviária, antiga estação de trens, tem despertado interesse de iniciativas de instituições favoráveis a administrar o espaço. Que seja rápido, antes que o pior aconteça.

 

Horizonte

Parece que vai mesmo sair cessão de parte do terreno do Exército, na Passagem, para o projeto que reúne o Poder municipal e o deputado federal da cidade. Segundo consta, além de casas, pretende-se implementar um cemitério e um parque de eventos. Resta saber se a Prefeitura que passa dificuldade para cuidar do que tem, terá para mais um “bairro”.

 

Feijoada

No sábado (27), a partir das 10 horas, tem Feijoada com História. Na oportunidade a Uvafer promove palestras, apresentações e visitas aos carros de passageiros, em comemoração ao Dia do Ferroviário. No almoço (cartões à venda a R$ 30) beneficente será servida uma feijoada. O evento será no Centro de Referência (antigo Ceprova), ao lado do Detran.

 

Sossego

Outra demanda que as autoridades precisam começar a perceber é o aumento expressivo da poluição sonora na cidade. Motos com escapamento aberto, bicicletas publicitárias, carros de condutores que insistem em expor seu gosto para lá de duvidoso, dentre outros, infernizam o dia a dia do valenciano. Idosos, enfermos e bebês agradecem.

0 comentários

avatar
Escreva seu comentário...
Seu nome...
Seu email...