Campo: produção nossa!

Edição: 600 Publicado por: Paulo Henrique Nobre em 06/06/2018 as 09:20

 
Leitura sugerida

 

Valença – Quem frequenta o Mercado Municipal todos os domingos já sabe disso: a esmagadora maioria dos produtos vendidos no setor de Hortifruti da Feira são produzidos aqui na cidade, na Zona Rural. O Jornal Local foi até o Mercado no domingo e pôde conferir esta realidade. A produção local não só fomenta a economia de diversas famílias, mas garante produtos mais saborosos e saudáveis. Além de garantir preço mais em conta ao consumidor.

Recentemente, a Prefeitura Municipal divulgou a importância dos produtores valencianos no final de semana auge da crise do desabastecimento, causada pela greve dos caminhoneiros: mesmo com falta de gasolina na cidade, os produtos não faltaram nas bancas dos feirantes. E vendidos no mesmo valor de dias normais. Paulo Fernando Moraes, mais conhecido como Chico da Serra, é o coordenador do Mercado Municipal. Ele conta que 230 feirantes vendem seus produtos todos os domingos no Mercado, sendo que apenas quatro deles são vendedores de produtos trazidos do Ceasa. Segundo ele, a maioria dos feirantes é composta de produtores locais tradicionais e apenas dois são orgânicos. Chico fala quais são os produtos mais vendidos. “Mandioca, milho, couve, alface, batata doce, inhame, banana e tudo produto da nossa região mesmo, cenoura, laranja, poncã, ovo caipira, frango”, afirmou, lembrando que uma média de 3 a 5 mil pessoas passam pela Feira a cada domingo, desde 3h às 13h. Chico ressalta que o artesanato também está presente no Mercado, que vai ganhar em breve, também, livraria mantida pela Imprensa Oficial do Estado com livros a preços acessíveis.

Ele explica que os feirantes são originários de várias localidades do Município: Santa Inácia, Parapeúna, Coroas, Alberto Furtado, Serra da Glória, Mutirão da Conquista (São Francisco), Rancho Novo (Conservatória), São Bento, Quirino (Barão de Juparanã), Morada do Sabiá, Barão de Juparanã etc. O coordenador do Mercado informa que cada feirante traz seus produtos por conta própria e fala das iniciativas para melhorar as condições de trabalho dos feirantes. “Agora, nós estamos recuperando a autoestima do produtor e a população viu, com esse processo da crise, está enxergando, dando valor ao produtor”. Chico da Serra lembrou que vários dos produtores do Mercado também fazem parte da Cooperativa de Agricultores, que hoje revende seu cultivo para a Prefeitura, para ser utilizado na merenda escolar.

Esse conteúdo é exclusivo para assinantes. Assine já e tenha acesso ao conteúdo na íntegra!

Galeria de imagens

1 comentários

avatar
Escreva seu comentário...
Seu nome...
Seu email...
avatar

Luis Araujo em 06/06/2018 às 12:53 disse:

So uma sugestao para prefeitura es dar prioridade aos produto locais nas merendas escolar
responder O comentário não representa a opinião do jornal! A responsabilidade é do autor da mensagem!
avatar
Escreva seu comentário...
Seu nome...
Seu email...