Projeto de apadrinhamento tem pontapé oficial

Edição: 613 Publicado por: Redação em 05/09/2018 as 10:42

 
Leitura sugerida

Valença – O Projeto criado pela Vara de Infância e Juventude com o nome “Apadrinhar – Amar e Agir para Materializar Sonhos” teve na quarta-feira, dia 29/8, seu início oficial. A iniciativa recebeu seus primeiros quatro Padrinhos, voluntários que vão doar sua atenção e compromisso para oferecer apoio a crianças órfãs da Casa da Criança e Adolescente. De acordo com a organização do projeto, o objetivo é garantir para a criança e/ou adolescente órfão, apoio emocional que ajude a suprir a falta das figuras paterna/materna.

Os quatro primeiros Padrinhos foram certificados pelo juiz da Vara de Família, Daniel Konder de Almeida, acompanhado pela comissária de Menores, Shirley Pereira Caruso. Um dos Padrinhos, o empresário Leandro Raider, que participa do projeto na categoria Serviços, alegou que sua Academia está oferecendo às crianças e adolescentes, oportunidade de praticar atividade física orientada, além de estar no convívio com profissionais. “Eu acredito que, se cada um puder doar um pouquinho do seu tempo, um pouquinho do seu serviço, a gente consegue melhorar e dar oportunidade melhor a essas crianças”. Para Leandro, o projeto é importante para dar oportunidade a quem precisa. “Isso é muito pouco pelo que a gente possa fazer!”.

Esse conteúdo é exclusivo para assinantes. Assine já e tenha acesso ao conteúdo na íntegra!

Galeria de imagens

0 comentários

avatar
Escreva seu comentário...
Seu nome...
Seu email...