Prefeitura rebate crítica e diz estar em dia com a Previdência

Edição: 680 Publicado por:  Redação em 15/01/2020 as 10:02

 
Leitura sugerida

Valença – Está circulando nas redes sociais matéria produzida por veículo jornalístico que circula na região, apontando que a Prefeitura Municipal estaria acumulando dívidas com a Previdência. De acordo com o Governo, a notícia não condiz com a verdade e aponta o Certificado de Regularidade Previdenciária – CRP – como prova disto.

A polêmica ganhou rapidamente as redes sociais e agitou apoiadores e opositores do Governo Fernandinho Graça. De acordo com a matéria, dados recolhidos junto ao CADPREV, que é o Sistema de Informações dos Regimes Públicos de Previdência Social, mostrariam que o Governo Municipal estaria acumulando dívidas com a Previdência dos servidores, ao deixar de cumprir os parcelamentos gerados pela retenção de contribuições patronais. A reportagem aponta que o Município teria dívida de mais de R$ 35 milhões com o Instituto de Previdência Própria, o Previ Valença, e os acordos serviriam para efetuar este pagamento, mas a Prefeitura não estaria conseguindo cumprir os prazos.

Para quitar essa dívida de R$ 35 milhões, afirma aquele jornal, o Município teria firmado seis acordos com o Previ: o 01970, no valor de R$ 15.657.853,70; o 02002, no total de R$ 2.614.753,98; o 02022, R$ 960.495,70; o 02027, R$ 3.042.265,23; o 02030, R$ 9.651.816,09; e o 02100, R$ 3.392.430,38. Mas cada um deles estaria com seis parcelas atrasadas, perfazendo montante de mais de R$ 1,6 milhão. A reportagem ainda afirma que a irregularidade nos cumprimentos dos parcelamentos teria sido a causa do parecer prévio contrário emitido pelo Tribunal de Contas do Estado – TCE-RJ -, emitido em 2018 e referente às contas de 2017. E que estes atrasos poderiam comprometer o equilíbrio financeiro do Previ Valença.

Esse conteúdo é exclusivo para assinantes. Assine já e tenha acesso ao conteúdo na íntegra!

Galeria de imagens

0 comentários

avatar
Escreva seu comentário...
Seu nome...
Seu email...